7 itens que você deve acrescentar a seu currículo

Se você percebe que não está atingindo os objetivos desejados com os currículos que entregou, veja sete coisas que deve acrescentar ao CV para conseguir um emprego

A busca por uma vaga de emprego é intimidadora e cheia de possíveis frustrações. Uma das explicações prováveis para seus resultados negativos é a falta de informações relevantes ou pré-requisitos de acordo com as exigências da empresa. Um erro cometido pela maioria dos candidatos é fazer apenas um currículo e entregá-lo para diferentes companhias, sem a preocupação de adaptá-lo para as particularidades de cada empresa e de cada vaga.

A seguir, confira sete sugestões de itens que farão a diferença em seu currículo e aumentam as chances da contratação:

1. Um site
Com a ajuda de plataformas como WordPress é possível criar um site completamente adaptável para suas necessidades profissionais. Lembre-se: visibilidade é uma das ferramentas mais importâncias na busca de relevância no mercado de trabalho. Para conhecer mais opções de plataformas para criar um currículo online, confira quatro sugestões feitas pela Universia Brasil.

2. Experiência de trabalho
Se você está em busca de seu primeiro emprego, mas sente que a falta de experiência prejudica os resultados, algumas atitudes podem mudar a situação. No cenário atual, em que cada vez mais pessoas chegam ao ensino superior, fica mais difícil ser contratado apenas pelo diploma. Converse com todas as pessoas que conhece e que poderiam oferecer algumas semanas de experiência de trabalho para que você acrescente esse item ao seu currículo e consiga o emprego que realmente deseja.

3. Redes sociais
Se você deseja um currículo atualizado e cheio de informações, uma das dicas mais valiosas é acrescentar seus perfis sociais ao CV. LinkedIn, Twitter e Facebook são as principais plataformas. Tenha cuidado para não espantar seu futuro chefe com um perfil pessoal, cheio de fotos de viagens ou atualizações de status que não se relacionem a sua vida profissional. É importante que você mude seus perfis para que seja contratado.

4. Trabalhos voluntários
Não é necessário ir até um país distante para fazer trabalho voluntário. Você pode começar com alguma instituição social em seu bairro, por exemplo. Além de contribuir para a carreira, você também ajudará outras pessoas ou animais a ter uma vida melhor.

5. Um blog
Um blog é diferente de um site, pois sua atualização possui determinada periodicidade e abrangência. Com uma plataforma como essa a serviço de seu desenvolvimento profissional você terá muito mais oportunidades de visibilidade e demonstração de suas capacidades para potenciais empregadores.

6. Recomendações
Disponibilizar recomendações para os recrutadores é uma maneira de transmitir credibilidade e confiança. Converse com seus antigos chefes ou professores universitários e pergunte se estariam dispostos a prestar tal ajuda quando necessário.
 
7. Infográficos

Acrescentar elementos visuais para seu currículo, além de demonstrar originalidade, também deixará mais claro para o empregador quais são as informações mais relevantes sobre seu histórico e habilidades profissionais.
Publicado em 25/02/2013
Fonte: Site Universia Brasil

0 Comments:

Post a Comment




 

Layout por GeckoandFly | Download por Bola Oito e Anderssauro.